sexta-feira, 20 de maio de 2011

MENSAGEM

O que fazer quando não há o que fazer
Texto base: 2 Sm 12.15-25
Introdução: O Rei Davi acabara de pecar caindo em adultério e homicídio, o profeta Natã vai até ele o repreender e Davi se arrepende de seu erro (neste momento Davi escreve um dos salmos mais bonitos o do capítulo 51), mas as consequências permanecem na vida de Davi, pois deste erro, nasce uma criança, na qual Deus a fere e esta acaba morrendo.
Deus fere a criança como consequência do pecado
V.15 – “...Então, Natã foi para sua casa. E o SENHOR feriu a criança que a mulher de Urias dera à luz a Davi; e a criança adoeceu gravemente...”
Davi fez tudo que a biblia manda alguém fazer para ter uma resposta positiva de Deus
V.16 – “...Buscou Davi a Deus pela criança; jejuou Davi e, vindo, passou a noite prostrado em terra...”
1- Buscou a Deus
2- Jejum pelo seu problema
3- Fez vigília, campanhas de 7 dias de clamor em busca da resposta

Davi lutou até o fim para que este quadro fosse mudado pelo Senhor, foi determinado em seu propósito
V.17 - “...Então, os anciãos da sua casa se achegaram a ele, para o levantar da terra; porém ele não quis e não comeu com eles...”
V.18 e 19 – Apesar de um grande problema Davi se mostrou consciente no meio da tribulação.
Davi tinha “todos os motivos” para ficar decepcionado por Deus, se desviar dos caminhos, pensar que Deus era mal, que tudo podia acontecer com ele que errou, mas não com uma criança.Davi podia ter entrado em depressão, mas através de seu exemplo nos deu o caminho do sucesso para vencer os problemas quando não há mais o que fazer.
V.20 – “...Então, Davi se levantou da terra; lavou-se, ungiu-se, mudou de vestes, entrou na Casa do SENHOR e adorou; depois, veio para sua casa e pediu pão; puseram-no diante dele, e ele comeu...”
1 – Levantou –se (Ef 5.14)
2 – Lavou-se
3 – Ungiu-se
4 – Mudou de vestes (Hb12.14)
5 – Entrou na Casa do Senhor
6 – Adorou

Deus restabeleceu o apetite de Davi – O problema tira a nosa fome
V.20 – “...veio para sua casa e pediu pão; puseram-no diante dele, e ele comeu...”
Davi deu a volta por cima e ninguém entendeu nada o que aconteceu em sua vida, o mesmo irá acontecer com você.
V.21 e 22 – “...Disseram-lhe seus servos: Que é isto que fizeste? Pela criança viva jejuaste e choraste; porém, depois que ela morreu, te levantaste e comeste pão.Respondeu ele: Vivendo ainda a criança, jejuei e chorei, porque dizia: Quem sabe se o SENHOR se compadecerá de mim, e continuará viva a criança?...”
Davi não apenas deu a volta por cima, como também não ficou com marcas de traumas, ele foi coabitar com sua agora esposa para ter um filho, ou seja, não ficou com receios de Deus levar um filho de novo, quando damos a volta por cima, ficamos sem traumas.
V.24 – “...Então, Davi veio a Bate-Seba, consolou-a e se deitou com ela; teve ela um filho a quem Davi deu o nome de Salomão; e o SENHOR o amou...”
Conclusão:
Deus estabeleceu um novo tempo para a vida de Davi:
1- Um tempo de paz – Nasce Salomão (Significa paz)
2- Um tempo de sentir o Amor de Deus – Jedidas (O amado do Senhor)

V.25 – “...Davi o entregou nas mãos do profeta Natã, e este lhe chamou Jedidias, por amor do SENHOR....”   
Por isso meus amados, em tudo dai graças, porque esta é a vontade de DEUSem CRISTO JESUS para convosco 1ªtessalonicenses 5,18. AMEM

segunda-feira, 9 de maio de 2011

MARCAS DO CRISTÃO

Gálatas 6.17

Este versículo da Palavra de Deus nos mostra de forma clara, o alto preço que o Apóstolo Paulo pagou por proclamar o nome de Cristo. Paulo sofreu grandes perseguições, sofreu açoites, prisões e muitas outras dificuldades por ser um servo de Deus autêntico e proclamador do nome de Cristo. Diante de tais realidades vividas, ele como que num desabafo afirma: Ninguém me moleste, pois eu trago no meu corpo as marcas de Cristo. Paulo não apenas falava de marcas espirituais, mas também de marcas literais em seu corpo que havia sofrido por amor a Cristo. Que marcas o Cristão deve carregar em sua vida como servo de Deus?

I – A Marca do Amor. (Mt. 22.37-39)

Esta é uma marca fundamental na vida do Cristão. Como dizer que é um crente se não há demonstração de amor nesta vida. Deus é Amor! Quando se aceita a Jesus como Salvador, o crente recebe o Dom do Espírito Santo. (Ef.1.13,14) O próprio Deus através do Seu Santo Espírito, passa a habitar nesta vida. Logo, o Caráter de Deus passa a ser revelado na vida do crente. O Amor de Deus passa a reinar nesta vida. Amor para com Deus e também para com o próximo. Pergunta-se: Esta marca tem sido uma realidade em nossas vidas? Temos amado ao Senhor com toda a nossa força, com todo o nosso entendimento e amado ao nosso próximo como a nós mesmos? Se pregamos que amamos devemos acima de tudo, demonstrar que amamos. Esse é o grande querer de Deus para com as nossas vidas.

II – A Marca do Testemunho. (Mt.5.16)

Outra marca maravilhosa na vida do Servo de Deus, é a do Testemunho. Como crentes precisamos brilhar neste mundo cheio de pecados. Precisamos influenciar e não ser influenciados. Há um texto da Palavra de Deus em Romanos 12... Que nos afirma que não devemos nos conformar com o mundo .Não podemos como servos de Deus permitir que os valores do mundo estejam entrando em nossas vidas e apagando o brilho de Cristo que está em nós.Precisamos glorificar a Deus com a nossa vida, nossa maneira de falar, de andar, de vestir... Infelizmente há crentes que estão dando um mau testemunho de Jesus. Na família as brigas são constantes, no trabalho são palavras sujas, piadas imorais... As roupas que usam não glorificam ao Senhor,em fim, Literalmente estão dando um Mau Testemunho como Servos de Deus.O Senhor Jesus nos afirma, que como servos Dele, o mundo precisa ver as nossas boas obras e glorificar a Deus que está nos céus. Precisamos crer e lutar para que esta maravilhosa verdade se cumpra em nossas vidas e na vida de nossa igreja.

III – A Marca do Compromisso. (I Co 15.58)

Como servos de Deus, somos importantes na obra do Senhor. Nossa participação na vida da Igreja precisa ser uma realidade viva. Às vezes somos influenciados por fatores os mais diversos, que acabam atrapalhando a nossa participação na vida da igreja local. O Diabo lança obstáculos na vida do crente para que este não participe das programações de sua igreja. A Palavra de Deus nos afirma que devemos ser “firmes e constantes”. Vemos claramente neste versículo que fazer a obra do Senhor não é coisa fácil. Se assim fosse, não haveria necessidade do Senhor nos orientar a sermos firmes e constantes.Amado irmão; quando você perde aos cultos da igreja, há dois prejuízos: Você perde a bênção e a Igreja também perde, pois você é peça importante para o sucesso da igreja. Em nome de Jesus, sejamos firmes e constantes e sempre abundantes na Obra do Senhor, Pois esta Obra é de Valor; e no Senhor o nosso trabalho não é em vão.

IV – A Marca da Paz. (Mt. 5.9)

Nós temos a Paz. A Paz é Jesus. Logo Deus nos chama para sermos proclamadores desta maravilhosa Paz. Para poder proclamá-la eu preciso estar vivendo-a em minha vida. Façamos uma breve análise de nossas vidas. Podemos afirmar realmente que vivemos a Paz de Cristo? Falar em Paz quando tudo está bem, quando tudo está tranqüilo é muito fácil. O que precisamos entender é que esta maravilhosa Paz que temos não depende das circunstâncias. O Crente fiel sabe que mesmo nas lutas o Senhor Jesus não o desampara. Por isso pode manter-se em paz em meio às tribulações. Esta maravilhosa marca não pode faltar em nossas vidas. Vivendo a Paz de Cristo sem dúvida poderemos anunciá-la aos perdidos.

Conclusão:

Ao avaliarmos a Palavra de Deus, sem dúvida encontraremos muitas outras marcas que devem ser vividas na vida do crente. Contudo, nossa atenção esteve voltada para estas quatro marcas que cremos ser de grande importância para o nosso sucesso como servos de Deus.


Precisamos Amar a Deus e ao nosso próximo como a nós mesmos.


Precisamos dar um bom testemunho neste mundo cheio de pecados.


É importantíssima a nossa participação na Obra do Senhor.

Precisamos estar envolvidos com os projetos de nossa igreja.



Precisamos viver a Paz do Senhor Jesus, e anuncia-la àqueles que

estão perdidos sem a salvação.

Que o Senhor nos abençoe rica e abundantemente em nome de Jesus.