sexta-feira, 26 de agosto de 2016

NÃO PERCA AS OPORTUNIDADES.... A bênção do Senhor é completa. Assim como ninguém compra meio ovo no supermercado, quando Deus abençoa uma vida, Sua bênção é inteira e Sua restauração acontece em todos os setores da sua vida. Não faria sentido o Senhor abençoar apenas a vida financeira de uma pessoa, por exemplo, e deixá-lo com a vida familiar destruída, ou a vida profissional pela metade.
O que acontece é que nós, seres humanos, temos preguiça de usar nossa inteligência para entender a palavra profética, ou simplesmente, temos limites em nossa fé e entendemos que a bênção Dele foi destinada apenas a um setor de nossa vida.
Isso aconteceu com o rei Jeoás de Israel. Jeoás é daquele grupo de reis judeus que, para descrevê-los, a Bíblia usa a frase: “e fez o que era mau aos olhos do Senhor.” Ele não se apartou dos pecados praticados por Jeroboão, filho de Nebate, que fez pecar a Israel. Naquela época o principal pecado de Israel era a idolatria e Jeoás não se apartou dela.
O profeta Eliseu estava muito doente e da enfermidade de que morreu e o rei Jeoás foi até Eliseu, chorou sobre o rosto do profeta e o saudou dizendo: “Meu pai, meu pai, o carro de Israel, e seus cavaleiros!” (2 Reis 13:14). Para quem não se lembra, esta frase foi dita por Eliseu no momento em que Elias foi arrebatado aos céus no redemoinho e os dois foram separados por carros de fogo.
Eliseu sabia que estava para morrer e que não havia tempo a perder e, de imediato, mandou Jeoás pegar um arco e flechas, em seguida disse: “Põe a tua mão sobre o arco”. (2 Reis 13:15). Eliseu pôs suas mãos sobre as mãos do rei. O profeta mandou o rei abrir a janela para o oriente e atirar as flechas e disse: “A flecha do livramento do SENHOR é a flecha do livramento contra os sírios; porque ferirás os sírios; em Afeque, até os consumir.” (2 Reis 13:17). Jeoás foi avisado por Eliseu que aquelas flechas eram do livramento do Senhor e que simbolizavam sua vitória sobre os sírios, principais inimigos de Israel na época.
O profeta deu ordem ao rei que ele ferisse a terra com as flechas que estavam em suas mãos, mas Jeoás só feriu a terra três vezes. Foram só três flechas lançadas na terra por Jeoás, apesar da grande quantidade de flechas nas mãos do rei. Eliseu estava doente e sem nenhuma paciência para burradas e ele ficou muito indignado com Jeoás e disse: “Cinco ou seis vezes a deverias ter ferido; então feririas os sírios até os consumir; porém agora só três vezes ferirás os sírios.” (2 Reis 13:19). Logo em seguida Eliseu morreu. Estava selado o destino do rei Jeoás.
O rei Jeoás conseguiu reconquistar as cidades que o rei da Síria, Ben-Hadade, havia tomado de seu pai Jeoacaz na guerra, mas só feriu os sírios três vezes. Estava cumprida a profecia de Eliseu.
Muitas vezes Deus nos dá a oportunidade de dar a volta por cima, mas não entendemos a vontade do Senhor, ou ficamos com preguiça de pagar o preço da bênção todinha e fazemos como o rei Jeoás: só atiramos as flechas do livramento do Senhor três vezes.
Se Jeoás não tivesse ficado com preguiça de lançar todas as flechas que Eliseu lhe deu e avisou que era a flecha do livramento do Senhor, sua história teria sido outra, ele prevaleceria sobre seus inimigos e teria consumido os sírios de todo. É uma grande lição para nós.
Saiba que Deus sempre quer lhe abençoar em todos os setores de sua vida e que vai depender de sua fé inteligente conquistar seus objetivos e vencer e comer o melhor da terra. Não podemos nos contentar com um cadinho de bênçãos, não podemos nos acomodar com algumas poucas conquistas, Deus não mudou e nunca mudará e Sua bênção é completa. Não desista pelo caminho, não se acomode com pouco, Deus tem muito mais para sua vida....
Bispo Anderson Camargo.

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

José é um ramo frutífero, ramo frutífero junto à fonte; seus galhos se estendem sobre o muro". - Gn 49:22
Que bênção a vida de José! Que honra ser chamado "ramo frutífero"! Será que o Senhor pode dizer o mesmo de você? Qual o segredo para ser "ramo frutífero"? É fazer como José, permanecer "junto à fonte".
Talvez você pergunte: -- mas, para quê produzir fruto? Bem, primeiro porque é uma ordem. Jesus disse: "Eu vos designei para que vades e deis fruto...". Um servo não tem que discutir ordens, tem é que obedecer! Em segundo lugar, o Senhor quer que esses frutos sejam colhidos por aqueles que estão do lado de fora. Veja o exemplo de José: "...seus galhos se estendem sobre o muro". Quando uma árvore está dentro do nosso muro, os frutos são nossos... Mas, se os galhos ultrapassam o muro, os estranhos colherão os frutos que estiverem do lado de fora. Muros significam barreira, exclusão. O Senhor não deseja excluir ninguém, Ele quer que todos os pecadores cheguem ao conhecimento da verdade.
Em sendo você um "ramo frutífero" junto à fonte, naturalmente seus galhos se estenderão sobre o muro, e muitos pecadores serão salvos!
É hora de estar mais e mais junto à Fonte e de expandir os galhos por sobre os muros, para que os de fora também sejam abençoados!
Muitos escolhidos do Senhor ainda estão do lado de fora, esperando que surja um galho sobre o muro!
Seja você este ramo frutifero!.....
O Muro significa Limitador,Impeditivo,Barreira,Limite,Um chega prá lá da vida,É a sociedade dizendo é só até aqui,É a condição dizendo que vc não vai prosperar,É os diagnósticos dizendo que vc não será curado ou vai morrer......Olha para o MURO sorri pra ele e joga os galhos e diga eu vou chegar do outro lado!!!...Disseram que vc não ia chegar ?...Joga Os Galhos por cima do MURO !!!..
José estava junto a fonte !!!......Quando os MUROS da vida foram surgindo na vida de José..Inveja,Escravidão,Tentativa de aliciamento,Calunias,Esquecimento,Estrangeiros,...Ele Jogou os Galhos !!!...Esse MURO não é o final da sua historia Jogue os Galhos !!!...
Sabe porque esta vindo os Flecheiros Gêneses 49:23...Por todos os lados é porque vc é um ramo frutífero!!...Só porque vc não deixou o MURO te parar quem sustenta o teu arco é o pastor de Israel.
Os flecheiros querem te matar por causa dos seus sonhos Gênesis 37:19:20 Cuidado com a TUNICA quando não conseguem te matar querem sujar tua túnica !!!...José e vendido para os Ismaelitas.
Quando Jacó viu a TUNICA suja disse que José estava Morto !!!...Vamos PARAR de Engolir noticias RUINS e dizer Amém....Jacó achava que José tinha morrido seus irmãos achavam que josé já era nunca mais iam vê-lo.....Más no final da História José reuni os seus iramos na sua Casa e diz a ele ``Eu sou José´´...Sabe porque á sua história vai dar certo porque não é a sua história é a história do Pai Veja Genesis 37:2   Essa é a Historia de Jacó Sendo José de dezessete anos.....................................
Bispo Anderson Camargo.

sexta-feira, 12 de agosto de 2016

Porque Deus permite os Barcos se quebrarem ?
Atos 27:1-6 que diz:
“E, como se determinou que havíamos de navegar para a Itália, entregaram Paulo, e alguns outros presos, a um centurião por nome Júlio, da coorte augusta. E, embarcando nós em um navio adramitino, partimos navegando pelos lugares da costa da Ásia, estando conosco Aristarco, macedônio, de Tessalônica. E chegamos no dia seguinte a Sidom, e Júlio, tratando Paulo humanamente, lhe permitiu ir ver os amigos, para que cuidassem dele.
E, partindo dali, fomos navegando abaixo de Chipre, porque os ventos eram contrários. E, tendo atravessado o mar, ao longo da Cilícia e Panfília, chegamos a Mirra, na Lícia. E, achando ali o centurião um navio de Alexandria, que navegava para a Itália, nos fez embarcar nele.”
“Quando falamos de vida Cristã, com experiências pessoais, a conta não fecha, porque Deus trabalha de forma diferente com cada um. Cada pessoa tem o seu relacionamento pessoal com o Senhor e por ele é trabalhada em uma área.”
“E por quê? Porque a vida é feita de processos, fases e tempos e a cada um deles com Deus, você está sendo moldado e trabalhado. Se você não entender isso, dependendo de como você está hoje em qualquer área da tua vida, as coisas não farão sentido para você. Essa mensagem não te fará sentido.”
“Há duas formas de Deus interagir com este mundo, Ele interage com quem Ele CHAMOU e com quem Ele ESCOLHEU. Por isso você precisa entender quem é VOCÊ , um chamado ou um escolhido? A forma de Deus trabalhar com um e o outro é diferente. Se você não souber quem é, vai ficar perdido a respeito de onde Ele quer te colocar.”
“O que acabamos de ler mostra um homem chamado, escolhido, com promessas e Jesus disse que ele era um vaso escolhido, com honra, com propósito. Paulo estava em um barco e este barco naufragou. Agora eu te pergunto: Barco de escolhido, afunda? Se você acha que não, há um problema pra você considerar na sua afirmação: Paulo naufragou três vezes.”
“Se você acredita que barco de escolhido, de quem tem propósito, de quem foi chamado, não afunda, porque então há casamentos, profissões, empresas, etc., naufragando? Deus continua no controle e até em situações de naufrágios, Ele tem coisas para ensinar.”
“Agora ouça-me, há lições preciosas nisso e eu quero te mostrar algumas: Todas as vezes em que você tornar-se um PRISIONEIRO em seu barco, nem que ele tenha que quebrar o barco. Ele vai fazer para te libertar. Você não foi chamado pra viver ALGEMADO. Ele te chamou para você decolar e voar. Se você acredita num Deus que faz o quer, como quer e do jeito que quer, essa mensagem é pra você. Você não pode ficar ALGEMADO a nada desse mundo"Para a liberdade foi que Cristo nos libertou. Permanecei, pois, firmes e não vos submetais, de novo, a jugo de escravidão." Gálatas 5:1 . Deus quebra tudo para você ficar livre.”
Até mesmo por pessoas que saíram da sua vida, que te abandonaram, por esse emprego que você acha que perdeu, mas tirava a tua paz, teu sono e atrapalhava a tua espiritualidade.”
“Deus quebra barco para provar que o que é valioso não é o barco, mas a tua vida, a tua alma. Para de IDOLATRAR o barco. Tem gente que acha que as coisas que vivem hoje é por causa do barco. Deus, Ele deixa o barco quebrar pra você parar de viver o barco pelo barco e viver por você.”
“O ESCOLHIDO não tem escolha. Deus permite teu barco naufragar pra você aprender a NADAR, botar o corpo em movimento. Deus está te olhando e vai botar a tua vida em movimento. A pior coisa, O que mais mata em alto mar são as ondas e as correntes marítimas. Colocando isso na perspectiva espiritual, pondo a nossa vida, chamada, família, ministério, pare para pensar, vem Deus e permite o barco quebrar. As tribulações, as adversidades, que são as ONDAS, chegam e Deus te deixa sem o barco e você inseguro cai em alto mar, sujeito às fortes correntes. Te matar Ele não quer, então o que ele quer te ensinar?”
“Deus permite você ir ao mar para te ensinar um segredo: no mar, por mais altas que as ondas sejam, elas só podem fazer uma coisa. Te jogar para frente. ‘Ah, tem gente falando mal de mim, me difamando, me perseguindo, puxando o meu tapete’ – Ei, é exatamente isso que te joga para frente e te trás para mais perto de Deus, mais perto da cruz. Um dia alguém vai passar por isso e você vai dizer: ‘Eu conheço essa história, fica calmo, ta com ondas altas, mas isso vai te trazer pra mais perto de Deus, eu sei porque eu sobrevivi.”...
Bispo Anderson Camargo.

sexta-feira, 5 de agosto de 2016

``Preparados para as Batalhas da Vida´´ Efésios 6.10-18
Um grande desafio para um servo de Deus é estar armado e principalmente saber usar a sua armadura.
Talvez nós não saibamos tanto sobre a importância do armamento porque o nosso país não é um país de guerra, graças a Deus.
Em Mateus 24 Jesus disse que um dos sinais da sua volta seria ouvirmos falar de “guerras e rumores de guerras” e isto está se cumprindo em nosso meio.
A pior guerra não é aquela que nós vemos ou ouvimos os seus rumores, mas aquela que não vemos porque é espiritual. Os nossos principais inimigos não são as pessoas que vemos, mas o diabo a quem não vemos e tem guerreado assiduamente vencendo este mundo, mas não pode vencer o povo de Deus.
“Porque a nossa luta não é contra o sangue e a carne, e sim contra os principados e potestades, contra os dominadores deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais do mal, nas regiões celestes”. Efésios 6:12
A Vanguarda e a Retaguarda:
Na luta pode-se notar os guerreiros que ficam à frente (vanguarda) e os que ficam mais atrás dando cobertura (retaguarda).
A vanguarda é composta por soldados mais fortes e mais corajosos, que enfrentam diretamente o inimigo. São também os que levam as melhores armas.
A retaguarda é composta de soldados talvez menos experientes com armamentos mais leves e têm a tarefa de reforçar e ajudar a vanguarda. Estes, no entanto são os primeiros a correr quando a guerra é difícil.
Hoje a retaguarda do exército de Deus está com problemas de excesso de contingente, enquanto faltam soldados na vanguarda, o que muito tem enfraquecido o povo de Deus em sua luta no mundo. Deus precisa de soldados valentes que venham assumir a frente da batalha.
Qual é a sua posição no exército de Deus?
Você está armado e preparado para a luta?
Vamos analisar os versículos de Efésios 6.10-18:
- v.10 A força:Um guerreiro tem que ser forte. Os escolhidos para uma guerra geralmente são os mais fortes do povo.
Aqui diz que devemos ser “fortalecidos no Senhor e na força do seu Poder”. A nossa força vem de Deus, então nós estamos do lado mais forte, o lado de Deus e é Deus que peleja por nós (Êxodo 14.14). O texto de II Crônicas 20:15 diz: “pois a peleja não é vossa, mas de Deus”.
- v.11 Ficar firme: Leia II Timóteo 2.3-5
O soldado deve ficar atento, firme contra seus inimigos, durante a sua batalha não pode se distrair com outras coisas, mas ser atento a todo o momento.
Essa firmeza vem da confiança em Deus (Salmo 125.1).
- v.12 O inimigo:
Devemos reconhecer momentos de perigo, saber quem é o inimigo e lutar com as armas à sua altura ou melhores que as do adversário.
Se o inimigo ataca com canhões não podemos ir até ele com espadas, devemos ir com bombas mais poderosas.
Leia II Coríntios 10.3-5
Se o nosso inimigo é espiritual, luta no campo espiritual e com armas espirituais devemos lutar com ele espiritualmente, pois o ESPÍRITO que está conosco é mais forte.
Também temos uma posição privilegiada quanto ao adversário, nós o atacamos de cima, pois estamos muito acima dos nossos inimigos, quando estamos em Deus (Efésios 1.21 e 22).
- v.13 toda a armadura:
O lutador tem que estar bem equipado porque o inimigo sabe qual é o ponto fraco da pessoa e se faltar qualquer peça da sua armadura é justamente ali que ele vai atacar.
Leia I Samuel 17.38-39 e 17.45
Davi não sabia usar uma armadura, mas reconheceu que seu Deus é o “Senhor dos Exércitos” (um Deus de Guerra) que está sobre todo e qualquer exército possuindo a maior milícia. Então Davi foi a Golias em nome do Senhor dos Exércitos, com armas espirituais e venceu a luta.
Mas o texto de I Samuel indica que Davi era um servo disciplinado e depois dessa vitória ele se tornou um grande guerreiro, e aprendeu a usar a armadura dos homens, mas principalmente a armadura d Deus.
Vamos agora analisar cada peça da armadura e discutir a sua utilidade:
- v.14ª Cinto da verdade:
O cinto é o lugar onde o lutador prende suas armas e munições; o cinto servia para guardar coisa como dinheiro, cantil, etc. (veja Mateus 10.9)
A verdade é necessária para o cristão porque uma das principais armas de Satanás é a mentira (João 8.44). Se o cristão não tiver o cinto da verdade não terá onde prender suas armas de ataque e pode ficar sem elas. Nossas armas estão na verdade.
- v.14b Couraça da justiça: Isaías 59.14-17
Se o cristão não estiver protegido com a justiça (justificado pelo sangue de Jesus - I João 1.9), se houver pecado em seu coração pode vir a perfurar a couraça e correr risco de vida.
A couraça protege o coração!
- v.15 Calçados do Evangelho: Isaías 52.7 e Salmo 119.105
O guerreiro tem que estar calçado para não correr o risco de machucar os pés e ficar impossibilitado de andar. Quando o crente está firmado sobre a Palavra não corre o risco de tropeçar e cair.
- v.16 Escudo da Fé: Provérbios 30.5
“tomai sobre tudo”- o escudo serve para proteger todo o corpo.
Deus quer que o cristão ao pelejar coloque a sua fé na frente dos problemas como sua defesa. Com a fé podemos apagar os dardos do maligno.
- v.17a Capacete da salvação: I Tessalonicenses 5.8
O capacete serve para proteger a cabeça que é a parte que comanda todo o corpo. O crente precisa estar com sua mente protegida contra as setas (heresias e tentações) do inimigo e a proteção é a salvação; se estivermos com a mente envolvida com a certeza da salvação, não cairemos em ciladas.
- v.17b Espada do Espírito: Hebreus 4.12 (Salmo 149.5-6).
A espada serve para ferir, cortar, sangrar. Todas as outras armas são de defesa e essa é a única de ataque.
Esta é a melhor arma e a que o inimigo mais teme. Infelizmente os cristãos hoje não têm usado muito essa arma e alguns não a conhecem bem. Jesus usou a Palavra de Deus para enfrentar Satanás em todas as tentações no deserto (Mateus 4.1-11).
É interessante notar que essa espada é do Espírito e o servo de Deus depende do espírito santo para usa-la com autoridade (João 14.26 e II Pedro 1.20-21). Satanás tentou usa-la contra Jesus, mas não teve sucesso porque não tem o espírito.
Da mesma forma nós ao citar a palavra de Deusa não teremos êxito se o Espírito não estiver conosco para convencer a pessoa (João 16.7-13).
- v.18 O General e o quartel:
“O nosso General é Cristo”
O soldado de Cristo deve estar ligado ao seu superior, tem que ter contato com o general para obedecer as suas ordens “Com toda oração e súplica no Espírito”.
Também é preciso estar atento ao seu superior, observando cada atitude e ordens suas, não desanimando nunca “... e para isso vigiando com toda perseverança”.
O guerreiro não pode estar sozinho, precisa estar com os outros soldados, ajudando e sendo ajudado, para vencer juntos com apoio, oração“e súplica por todos os santos”. Há cristãos que parecem estar lutando sozinhos ou até mesmo contra os soldados do mesmo exército.
- CONCLUSÃO:
Em Ezequiel 37.1-10 Deus fez o seu exército através de ossos secos, portanto não precisamos achar que não podemos ser guerreiros valentes; o Senhor nos quer na Vanguarda da Vitória.
É importante pensar que o cristão deve lutar uma luta de cada vez e evitar arrumar problemas desnecessários ou comprar brigas que não lhe diz respeito. Deus tem nos chamado para fazer parte do seu exército e aprender a usar suas armas.
O Senhor dos Exércitos quer recrutar-nos para sermos treinados para suas batalhas.
Bispo Anderson Camargo.
A VITÓRIA É NOSSA!