quarta-feira, 2 de janeiro de 2013


Ao cheiro das águas Brotará 

"ao cheiro das águas brotará e dará ramos como a planta nova.
(Jó 14:9
)
 
O versículo de hoje mostra uma figura de linguagem que é utilizada para comparar o homem com uma árvore. O versículo anterior a este diz que, ainda que um tronco de uma árvore seja cortado e as suas raízes morram na terra, "ao cheiro das águas" esta árvore pode novamente brotar e produzir ramos como uma planta nova.
Assim também Deus faz em nossas vidas, no plano físico, mental e espiritual. Mas quando é que o "tronco é cortado", ou seja, como posso aplicar isto à minha vida? Em nossa vida o "tronco é cortado" quando alguém está enfermo e está desenganado pelos médicos, ou, quando a angústia e a depressão tomam conta do ser, ou ainda, quando os sonhos morreram e já não resta mais nada, apenas desilusão; É nesta hora que o Espírito de Deus derrama sobre o sedento a sua "água" curadora e restauradora, então a pessoa, que já estava "morta" (sem sonhos, projetos) volta a "brotar e produzir ramos como planta nova".
  
 
 
 
Conclusão:
Deixemos o Espírito Santo derramar suas águas restauradoras sobre nossas vidas sedentas, pois estas águas geram vida em nós, assim como as águas das chuvas geram vida na árvore cortada.
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário