sexta-feira, 10 de junho de 2011

PAIS E FILHOS



Instrui o menino no caminho em que deve andar, e, até quando envelhecer, não se desviará dele.(Pv 22.6)

Salomão aqui nesse provérbio, ensina que devemos ensinar a criança no caminho em que deve andar, e até quando envellhecer, não se desviará do caminho, os pais devem ter um compromisso primeiro com Deus e com sua palavra, para estarem aptos a ensinar e disciplinar seus filhos de acordo com os ensinamentos das Sagradas Escrituras.
A palavra hebraica para instruir significa “dedicar”, o ensino bíblico no lar tem como propósito ensinar aos filhos a terem amor e dedicação para como os ensinamentos da palavra de Deus, para que através desse conhecimento estejam separados das influencias malignas deste mundo e instruídos nas coisas de Deus.
Os pais devem motivar seus filhos a buscarem a presença de Deus, para que eles possam desfrutar de experiências espirituais, serem cheios do Espírito Santo, Salomão deixa bem claro nesses versículos que a criança devidamente ensinada pelos pais, jamais se esquecerá de todos os benefícios desses ensinamentos.
Claro que não há uma garantia absoluta de que todos os filhos que forem ensinados vão permanecer fiéis a Deus,sabemos que vivemos no meio de uma geração ímpia e as influencias são muitos grandes, mas mesmo, os que em algum momentos forem influenciados a cederem diante das tentações, Deus os fará lembrar de tudo que fora ensinado.
Os dever dos pais é ensinar a palavra em sua casa, e andando pelo caminho, e ao deitar-se, e ao levantar-se.
O pai deve ser provedor da palavra dentro do lar, não irritando mas criando os filhos com respeito afim de demonstrar através da palavra o sentido verdadeiro da palavra amor.
Os pais devem abençoar os filhos, José foi abençoado por Isaque, e foi muito próspero mesmo estando em uma terra distante.
Lemos no livro de Jó que ele santificava seus filhos, na verdade Jó se levantava de madrugada e oferecia sacrifícios a Deus por cada um deles, como pai piedoso,Jó tinha zelo pelo bem estar espiritual de seus filhos. Na verdade ele vivia atento o modo de vida de seus filhos, Jó orava para que Deus os protegesse do mal e que eles experimentassem da parte de Deus a salvação e suas bênçãos.
O Salmista diz que os filhos são herança do Senhor, e o fruto do ventre o seu galardão, pais os filhos são dádivas de Deus, e requer dos pais uma criação sábia e cristã. Quando os pais e seus filhos aceitam, ensinam e seguem os caminhos e mandamentos do Senhor é que desfrutarão a plena benção de Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário