quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Abraão-Pai Tipo de Deus...Isaque Filho-Jesus...Eliezer-Tipo Espirito Santo que Vem Buscar a Sua Igreja(Noiva). Chamaram, pois, a Rebeca, e lhe perguntaram: Irás tu com este homem? Respondeu ela: Irei.” (Gn 24:58)
Isaque estava com quarenta anos, Sara sua mãe, já tinha morrido. Abraão tomou a decisão de arranjar uma esposa para o filho. Chamou seu servo de maior confiança, Eliezer, e deu-lhe, sob juramento, a grande responsabilidade de buscar uma noiva para Isaque.
Abraão havia decidido que Isaque não se casaria com uma mulher cananéia. Conforme o sistema patriarcal mandou Eliezer, aos seus parentes, em Harã, na Mesopotâmia, para escolher uma jovem entre as mulheres de sua família, que também adorasse ao Deus de Abraão (Gn 24:1-9). Essa missão tinha que ser bem sucedida.
Eliezier tomou dez camelos do seu senhor O numero Dez aponta para a PLENITUDE DE DEUS Portanto tudo quanto fizermos devemos fazer com a plenitude de Deus !!!.. e partiu para a Mesopotâmia, a cidade de Naor (Gn 24:10). Chegando ao seu destino ajoelhou seus camelos fora da cidade, junto ao poço, na hora em que as mulheres saiam para tirar água (Gn 24:11). Colocando-se junto a fonte orou e pediu sabedoria a Deus, dizendo: “Ó Senhor, Deus de meu senhor Abraão, dá-me hoje, peço-te, bom êxito, e usa de benevolência para com o meu senhor Abraão. Eis que ESTOU EM PÉ DIANTE DA FONTE !!!, e as filhas dos homens desta cidade vêm saindo para tirar água; faze, pois, que a donzela a quem eu disser: Abaixa o teu cântaro, peço-te, para que eu beba; e ela responder: Bebe, e também darei de beber a teus camelos; seja aquela que designastes para o teu servo Isaque. Assim conhecerei que usaste de benevolência para com o meu senhor” (Gn 24:12-14). Esta foi uma das orações mais destacadas da Bíblia, não sô pela grande fé que mostrou, mas porque foi respondida antes de ser terminada. Eliezer suplicou a Deus que lhe indicasse a jovem que desejava para Isaque.
Aconteceu que antes de Elezier acabar de falar, eis que Rebeca, filha de Betuel, filho de Milca, mulher de Naor, irmão de Abraão, saia com seu cântaro sobre o ombro (Gn 24:15). Era uma moça muito formosa e não havia conhecido varão (Gn 24:16).
Então Eliezer se aproximou e pediu para beber da água de seu cântaro. E ela disse: Bebe meu senhor, e abaixou o cântaro sobre sua mão e deu-lhe de beber (Gn 24:17-18). E acabando ela de dar-lhe de beber, disse: Tirarei água também para seus camelos até que acabem de beber (Gn 24:19).
Eliezer não estava em busca de qualquer mulher. Colocou-se a observar atentamente as características da moça. Contudo ele contava com a providência divina a fim de não se enganar. Rebeca pertencia a uma boa família, era virgem e formosa, demonstrava bondade e disposição para o trabalho (Gn 24: 17-20).
Depois que os camelos saciaram a sede, tomou Eliezer um pendente e duas pulseiras de ouro e deu-os a Rebeca e perguntou-lhe de quem era filha. Ela respondeu: “Sou filha de Betuel, filho de Milca, o qual deu a Naor” e convidou-o para pousar em sua casa (Gn 24:23-25).
Então Eliezer inclinou-se e adorou o Senhor: “Bendito seja o Senhor de meu senhor Abraão que não retirou sua beneficência e a sua verdade de meu senhor e meu guiou até a casa dos irmãos de meu senhor” (Gn 24:27).
Posteriormente o servo de Abraão foi apresentado por Rebeca à sua mãe e seu irmão Labão. Eliezier informou-os de sua missão e da surpreendente resposta de oração. Quando o assunto do casamento foi abordado o pai e o irmão de Rebeca concordaram (Gn 24:34-49), Chamaram Rebeca que aceitou seguir com Eliezier e ficar noiva de Isaque (Gn 24:58).
O dote de Rebeca foi o de maior proporção e riquezas da época.REPRESENTA OS DONS ESPIRITUAIS !!!,, Além do pendente e das pulseiras de ouro que havia recebido de Eliezier (Gn 24;47), foram-lhe oferecidos dez camelos (Gn 24:10), vários utensílios de prata e ouro, vestidos e o resto do tesouro foi para o seu pai Betuel, seu irmão e sua mãe (Gn 24:53).
A história de Isaque e Rebeca é uma ilustração para o ensino sobre Jesus e a Igreja. Abraão é um tipo perfeito do Pai celestial. O Pai que prepara as bodas para seu amado filho (Mt 22:2); Isaque é o tipo perfeito de Jesus Cristo e igual a este foi oferecido em sacrifício. A semelhança de Cristo foi lhes dado todas as coisas (Fl 2:9-10) e amou sua esposa como Cristo ama a Igreja (Ef 5:25); Eliezer é o tipo perfeito do Espírito Santo. Foi a Harã buscar uma esposa para Isaque e o Espírito Santo no Pentecostes veio com o propósito de adquirir uma esposa para o Filho (At 2:1-4). Enquanto o Filho está no céu, o Espírito vem a terra para buscar a igreja (Jo 15:26) o servo Eliezer honrou o pai e o filho e atualmente o Espírito Santo faz o mesmo; e, Rebeca é o tipo perfeito da Igreja, respondeu positivamente a escolha de Deus. (Gn 24:58).
Rebeca, prima de Isaque, escolhida por Deus, deixou voluntariamente seus parentes e sua família para acompanhar a caravana que retornou à terra do Negebe (Gn 24:61). Quando Rebeca e ElIezier chegaram próximo a casa de Abraão, Isaque veio encontrá-los, “e trouxe Rebeca para a tenda de Sara, sua mãe; tomou-a e ela lhe foi por mulher; e ele a amou. Assim Isaque foi consolado depois da morte de sua mãe” (Gn 24:67).
Isaque casou-se com sua bela prima Rebeca, que foi sua única esposa e, aproximadamente, vinte anos mais tarde ela deu a luz a dois filhos: Esaú e Jacó.
Bispo Anderson Camargo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A cura da filha de Jairo. “Então um homem chamado Jairo, dirigente da sinagoga, veio e prostrou-se aos pés de Jesus…” (Lc 8:41)   Ao lermo...